Notícias

Nova convocação para aprovados no concurso do CREA-TO 01/2019

16/06/2020 16h35 - Atualizado em 16/06/2020 16h56

A quinta convocação de aprovado no concurso 01/2019 do CREA-TO saiu no Diário Oficial da União (DOU) de nº 111, nesta terça-feira, 16 de junho.

Agentes de fiscalização e Agentes Administrativos convocados para a sede em Palmas devem se apresentar num prazo de 15 dias a partir da publicação no DOU.

Os candidatos devem se ater ao prazo de 15 dias para apresentação na data, local e horário conforme consta no item 17.10 do edital nº 1, de 20 de agosto de 2019, e que o não comparecimento implica da eliminação definitiva do certame.

O CREA-TO orienta os candidatos aprovados no certame que fiquem atentos e acompanhem as publicações no Diário Oficial da União (DOU) pertinentes ao concurso, nos canais de comunicação do CREA-TO (sítio, Portal da Transparência, facebook, Instagram). Ainda será remetido aviso no e-mail do candidato cadastrado no ato da inscrição.

A quarta chamada ao cargo de Agente Administrativo para a inspetoria de Augustinópolis foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de nº 111, no dia 12 de junho.

A terceira chamada foi publicada no DOU de nº 103, no dia 1 de junho do corrente ano convocando um agente de fiscalização para a Inspetoria de Gurupi, e dois Agentes Administrativos para as inspetorias de Gurupi e Guaraí.

A segunda Chamada foi realizada dia 22 de maio convocando aprovados para o cargo de Analista de Sistemas para a sede do Conselho em Palmas.

E na primeira convocação realizada dia 6 de maio, foram chamados candidatos aprovados para os cargos de Agentes de Fiscalização para as inspetorias de Augustinópolis, Gurupi, Palmas e Paraiso. E também um contador para a sede de Palmas.

Publicação da 5ª convocação

Publicação da 4ª convocação


Publicação da 3ª convocação


Publicação da 2ª convocação


Publicação da 1ª convocação.

Certame

O certame foi realizado pelo Instituto Quadrix e ofertou 159 vagas para Araguaína, Guaraí, Augustinópolis, Gurupi, Palmas e Paraíso do Tocantins. O Edital previa 31 vagas efetivas e 128 para cadastro reserva para os cargos de Nível Fundamental, Médio e Superior.

Com validade de dois anos a partir da data de homologação do resultado final no Diário Oficial da União. Seu período de vigência poderá ser prorrogado uma única vez, por igual período, por conveniência administrativa do Conselho.
O concurso público não só atende aos ditames legais, como também propicia ao Conselho o aprimoramento da força de trabalho iniciando o processo de retenção de talentos.

Atendendo ao plano de escalonamento do concurso público 01/2019, as convocações ocorrem de forma ordenada dividida nas unidades administrativas e vagas efetivas disponibilizadas no certame.