CÓDIGO DE ÉTICA

O Código de Ética Profissional adotado pelo Sistema Confea/Crea está disposto na Resolução 1.002 de 26 de novembro de 2002. O documento enuncia os fundamentos éticos e as condutas necessárias à boa e honesta prática das profissões da Engenharia, da Agronomia, da Geologia, da Geografia e da Meteorologia e relaciona direitos e deveres correlatos de seus profissionais, quaisquer sejam seus níveis de formação, modalidades ou especializações.

“Nossa função social abrange a promoção da segurança, da qualidade de vida, da sustentabilidade, da proteção aos valores mais caros da experiência profissional. Para cumprir esses objetivos, a busca por uma padronização da conduta profissional determina que cada um dos elos que compõem a cadeia que (trans)forma a Engenharia, Agronomia, Geologia, Geografia, Meteorologia, os técnicos e as profissões afins conduzam suas atividades seguindo os princípios da Ética, parte da filosofia que se preocupa com a evolução da humanidade. Uma busca renovada diariamente e que está longe de restringir-se às práticas relacionadas neste acervo de soluções humanas”, afirma o presidente do CONFEA José Tadeu da Silva.

Em dezembro de 2014 foi lançada a 9° edição do documento que além da Resolução 1.002, traz também a 1.004, que aprova o regulamento para a condução do processo ético e disciplinar. “Em sua densidade de conteúdo respeitada, a nona edição do código materializa o conceito de Sistema que tanto buscamos consolidar, principalmente, porque resulta de uma construção democrática e coletiva do Cden - Colégio de Entidades Nacionais”, explica o coordenador Gumercindo Ferreira da Silva. 

Acesse aqui o Código de Ética e clique aqui para conhecer a história do documento.